06:51 22 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    0 10
    Nos siga no

    A Casa Branca declarou na sexta-feira (12) que o presidente Joe Biden não estaria ignorando intencionalmente o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, por não lhe ter ainda telefonado desde sua tomada de posse três semanas atrás.

    Várias especulações têm surgido nos últimos dias sobre a posição, aparentemente mais fria, da nova administração americana face a Netanyahu. Contudo, vários responsáveis oficiais já descartaram tais preocupações, conforme conta The Times of Israel.

    Jen Psaki, secretária de imprensa da Casa Branca, respondeu a um repórter na sexta-feira (12), citada pela mídia, que Biden "deseja falar com o primeiro-ministro Netanyahu. Posso assegurar que isso acontecerá em breve, mas não tenho uma data ou horário específicos".

    "Não é nenhum desprezo intencional. O primeiro-ministro Netanyahu é alguém que o presidente já conhece há algum tempo. É óbvio que temos uma longa e importante relação com Israel", assegurou Psaki. "[Isto] é apenas um reflexo do fato de que estamos aqui apenas há três semanas e meia. Ele [Biden] ainda não telefonou a todos os líderes globais."

    Dan Shapiro, ex-embaixador dos EUA em Israel, contou ao The Times of Israel, na quinta-feira (11), que não estaria de todo preocupado com a falta de contato entre Biden e Netanyahu.

    "Como ele passa seu tempo e os líderes com quem tem falado, é um reflexo muito claro das prioridades e emergências que ele herda como presidente", explicou Shapiro. "Não penso que haja outra explicação."

    "O Oriente Médio não está nessa primeira fila, mas não deixa de ser importante", sublinhou o ex-embaixador americano. "E Israel não deixa de ser importante. A chamada acontecerá. Estou certo que a chamada acontecerá em breve."

    O secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, também acredita que Biden e Netanyahu vão falar em breve.

    Netanyahu e Biden têm uma boa relação que já dura há décadas, e mesmo que o primeiro tenha sido mais próximo à administração Trump, o segundo, até agora, nunca falhou em promover laços de amizade entre os dois países.

    Mais:

    Biden diz que orientação sobre reabertura das escolas é uma ciência sólida
    Israel realiza treinamento militar na fronteira com o Líbano para combater Hezbollah (FOTOS, VÍDEO)
    Físico nuclear iraniano Fakhrizadeh foi assassinado por espiões de Israel e Irã, relata jornal
    Tags:
    EUA, Israel, Joe Biden, Benjamin Netanyahu, política externa
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar