07:51 28 Fevereiro 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    470
    Nos siga no

    Donald Trump, agora ex-presidente dos EUA, criou um escritório no estado norte-americano, afirmando que "será sempre e para sempre um campeão para o povo americano."

    Donald Trump criou na segunda-feira (25) um escritório pós-presidencial no Condado de Palm Beach, Flórida, que deveria servir para publicar declarações e criar um veículo formal no qual pode realizar aparições públicas.

    CAIXA DO CORREIO: Foi criado o "Escritório do Ex-Presidente" do 45º presidente dos EUA, na base de residência federal em Palm Beach.

    O recém-formado "Escritório do Ex-Presidente", que inclui um site ainda vazio, explica que a sede de comunicações de Trump vai gerir "correspondência, declarações públicas, aparições e atividades oficiais para promover os interesses dos Estados Unidos".

    O anúncio também indica que o escritório "continuará a agenda da administração Trump através da defesa, organização e ativismo público", e que "o presidente Trump será sempre e para sempre um campeão para o povo americano".

    Embora Trump tenha insinuado que poderá concorrer novamente a cargos públicos, o nome escolhido para sua nova base pode significar que o ex-presidente concentrará seus esforços em outros assuntos políticos, especula o jornal The Hill.

    À luz da suspensão permanente de Donald Trump do Twitter, ele permaneceu em grande parte em silêncio sobre seu futuro, e mudou-se de Washington para o estado da Flórida na manhã da quarta-feira (20), justamente no dia da posse do novo presidente Joe Biden.

    O ex-presidente deve ter o estado norte-americano como sua residência oficial, apesar de um acordo anterior com autoridades locais, que estipulava que ele não poderia usar seu resort em Mar-a-Lago como sua residência pessoal em troca de transformar a mansão em um resort, relata o jornal Sun Sentinel.

    Na sexta-feira (22), em seus primeiros comentários à mídia como ex-presidente, Trump disse que "vamos fazer alguma coisa, mas ainda não agora", sem elaborar o que será feito.

    Recentemente, a Câmara dos Representantes entregou o segundo processo de impeachment contra o 45º presidente ao Senado dos EUA, que deverá iniciar o julgamento em 8 de fevereiro.

    Mais:

    Vai combater para republicanos: assessor de Trump desmente planos de ex-presidente de criar partido
    Trump pressionou Departamento de Justiça para que Suprema Corte anulasse vitória de Biden, diz WSJ
    Sistema bipartidário dos EUA não é eficiente e gera 'barreira esmagadora', afirma acadêmico
    Julgamento de impeachment de Trump começará a partir de 8 de fevereiro, acorda Senado dos EUA
    Trazido de volta por Biden, Anthony Fauci descreve como 'libertador' não trabalhar mais para Trump
    Tags:
    Congresso dos EUA, Congresso, Senado dos EUA, Senado, Câmara dos Representantes, Joe Biden, Washington D.C, Washington, Twitter, EUA, Flórida, Donald Trump
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar