09:24 20 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    182
    Nos siga no

    O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, disse neste sábado (23) que está disposto a "virar a página" na relação da Venezuela com os Estados Unidos, que desde o dia 20 de janeiro está sob a presidência de Joe Biden. 

    A afirmação de Maduro é um sinal positivo rumo a "novos caminhos" na diplomacia com os EUA, após anos de tensão com a Casa Branca liderada por Donald Trump.

    "A Venezuela está disposta a virar a página para construir novos caminhos de respeito, diálogo e comunicação diplomática com o novo governo dos Estados Unidos", disse o presidente venezuelano, em um pronunciamento realizado no Palácio de Miraflores.

    O governo Trump impôs várias sanções à Venezuela, incluindo penalidades econômicas contra a gigante petrolífera estatal venezuelana PDVSA, em tentativas de enfraquecer o governo de Maduro.

    Após anos de uma relação conturbada, Caracas e Washington romperam os laços diplomáticos em 23 de janeiro de 2019, quando o governo dos Estados Unidos reconheceu o líder da oposição Juan Guaidó como presidente interino da Venezuela.

    Depois que Biden venceu as eleições presidenciais dos Estados Unidos, em novembro, Maduro parabenizou Biden, dizendo que a Venezuela estava "pronta para o diálogo e um bom entendimento com o povo e o governo dos Estados Unidos". Em dezembro, o presidente da Venezuela deu novas declarações repetindo sua intenção de construir uma nova relação com a Casa Branca.

    É esperado que o governo Biden assuma uma postura mais moderada que Trump em relação à Venezuela.

    Mais:

    Filho de Nicolás Maduro declara Rússia como 'baluarte' da medicina após ser vacinado com Sputnik V
    'Economia 100% digital': Maduro revela plano para salvar Venezuela da hiperinflação
    Maduro assina decreto sobre território marítimo que inclui região disputada com a Guiana
    Maduro denuncia 'guerra geopolítica' por vacinas contra COVID-19
    Tags:
    Venezuela, Nicolas Maduro, Estados Unidos, Joe Biden, Washington, Caracas, diplomacia, Donald Trump, Relações diplomáticas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar