05:00 22 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    Mundo enfrenta coronavírus no final de dezembro (111)
    010
    Nos siga no

    A Colômbia chegou a um acordo com a empresa farmacêutica Janssen, que é parte do grupo Johnson & Johnson, para a aquisição de nove milhões de doses contra a COVID-19.

    O presidente Iván Duque anunciou o acordo nesta quarta-feira (30).

    "Hoje foi fechado um acordo com a farmacêutica Janssen. O acordo prevê a compra de nove milhões de doses da vacina para nove milhões de cidadãos, já que, ao contrário de outras vacinas, a vacina da Janssen foi desenvolvida em dose única", disse o presidente colombiano, em um comunicado transmitido pela televisão.

    A previsão da Colômbia é de iniciar a vacinação em massa em fevereiro. De acordo com Duque, uma campanha piloto deve ser realizada nas próximas semanas.

    No início de dezembro, a Colômbia já havia assinado acordos com a Pfizer e com a AstraZeneca para a compra de milhões de doses de vacinas. Além disso, o país sul-americano pleiteia também outros milhões de doses pelo consórcio mundial COVAX, organizado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

    O presidente comemorou o anúncio do acordo com a Janssen também pelo Twiter.

    ​Queremos anunciar ao país com o @MinSaludCol que fechamos acordo com a farmacêutica Janssen, do grupo Johnson & Johnson, para a aquisição de nove milhões de vacinas, além das cinco milhões da Pfizer; cinco da AstraZeneca e dez milhões por meio da COVAX.

    Até o momento, a Colômbia registrou mais de 1,6 milhão de casos positivos de COVID-19, incluindo cerca de 1,5 milhão de pessoas que se recuperaram e 42.909 pacientes que morreram, segundo dados da Universidade Johns Hopkins.

    Tema:
    Mundo enfrenta coronavírus no final de dezembro (111)

    Mais:

    Ucrânia receberá 1,8 milhão de doses de vacina contra COVID-19 da Sinovac
    Vacinação contra a COVID-19 na Itália não será obrigatória, diz premiê
    Com 1.224 novos óbitos, maior número desde agosto, Brasil chega a 193.940 mortes por COVID-19
    OMS pede distribuição justa da vacina contra COVID-19 entre todos os países
    Tags:
    Colômbia, vacina, COVID-19, pandemia, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar