20:59 28 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    Mundo enfrenta coronavírus no final de dezembro (111)
    140
    Nos siga no

    Para se chegar a tão esperada imunidade de rebanho pode ser preciso imunizar 90% da população, disse o líder da equipe de combate ao coronavírus nos Estados Unidos, Anthony Fauci. 

    A imunidade coletiva é um cálculo utilizado por epidemiologistas e infectologistas para determinar a porcentagem de uma população que precisa receber as doses de uma vacina, ou contrair uma doença, para que todos os indivíduos fiquem protegidos. 

    Em entrevista para o jornal The New York Times publicada nesta quinta-feira (24), data em que Fauci completou 80 anos, o cientista disse que era difícil fazer essa previsão e os próprios especialistas têm dúvidas sobre a questão. 

    "Precisamos de um pouco de humildade aqui. Nós realmente não sabemos qual é o número real. Eu acho que a faixa correta está em algum ponto entre 70% e 90%. Mas não vou dizer 90%", afirmou o diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas (NIAID, na sigla em inglês). 

    Considerado um dos mais proeminentes epidemiologistas do mundo, Fauci recebeu na terça-feira (22) a primeira dose da vacina Moderna contra a COVID-19, em cerimônia transmitida pelos Institutos Nacionais de Saúde (NIH, na sigla em inglês).

    Um milhão de americanos já tomaram vacina

    Até o momento mais de um milhão de norte-americanos tomaram a primeira dose da vacina, o que representa apenas 0,3% da população. A imunização foi iniciada nos EUA em 14 de dezembro. 

    Segundo levantamento da Universidade Johns Hopkins, os EUA registram mais de 18,5 milhões de casos do coronavírus e aproximadamente 327 mil mortes. 

    Na quarta-feira (23), o país contabilizou mais de 3.000 mortes pelo segundo dia consecutivo. 

    Na entrevista, Fauci disse ainda que se sentia mais encorajado a revelar suas convicções sobre a pandemia após pesquisas mostrarem que os norte-americanos estão se mostrando menos céticos em relação às novas vacinas. 

    "Quando as pesquisas indicaram que apenas metade dos americanos tomariam a vacina, eu estava dizendo que a imunidade coletiva seria alcançada entre 70% a 75%", disse Fauci. "Mas, quando pesquisas mais recentes disseram que 60% ou mais aceitariam, pensei: 'Posso aumentar um pouco isso', e aí fui para 80%, 85%", acrescentou o cientista. 
    Tema:
    Mundo enfrenta coronavírus no final de dezembro (111)

    Mais:

    COVID-19: Congresso bloqueia pedido de Trump de aumentar auxílio e governo pode parar semana que vem
    México e Chile dão início à vacinação contra a COVID-19
    Especialista comenta estudo da Fiocruz sobre reinfecção por COVID-19 e garante: vacinas são eficazes
    Tags:
    novo coronavírus, pandemia, COVID-19, vacina, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar