16:02 15 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    202
    Nos siga no

    A Guarda Costeira de Trinidad e Tobago confirmou hoje (13) a morte de 11 venezuelanos após o naufrágio de uma embarcação no golfo de Paria.

    "Em 12 de dezembro, a Guarda Costeira de Trinidad e Tobago recebeu informação das autoridades venezuelanas indicando que naquele mesmo dia 11 corpos haviam sido recuperados nas águas próximas à cidade costeira venezuelana [de Guiria]", diz o comunicado da Guarda Costeira do país caribenho ao qual a Sputnik teve acesso. 

    ​De acordo com as autoridades, o barco em questão havia zarpado no último dia 6 da localidade de Guiria, no estado venezuelano de Sucre, com mais de 20 pessoas a bordo, das quais não havia notícia há vários dias. 

    "Os controles indicaram que a Guarda Costeira não interceptou nenhum navio vindo de Guiria em 6 de dezembro ou em qualquer outro momento posterior. Neste momento, o Centro de Coordenação de Resgate da Guarda Costeira enviou ativos como parte de um esforço conjunto de buscas com as autoridades venezuelanas."

    Após manifestação das autoridades de Trinidad e Tobago, o governo venezuelano também confirmou o incidente, cujos detalhes ainda são desconhecidos.

    Mais:

    Pesquisador desvenda naufrágio misterioso mais antigo que os EUA (FOTO)
    Restos de naufrágio de mais de 200 anos são encontrados no México (FOTOS)
    Segredos de misterioso naufrágio do século XVIII são revelados no golfo da Finlândia (FOTO)
    No mar Egeu, pesquisadores turcos encontram naufrágio do século XVIII (FOTO)
    Tags:
    guarda costeira, embarcação, morte, venezuelanos, naufrágio, Trinidad e Tobago, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar