20:24 02 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    0 20
    Nos siga no

    O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, disse nesta quinta-feira (22) que a nova Assembleia Nacional não pode ter medo de debater temas como o casamento gay e o aborto. 

    As eleições legislativas venezuelanas estão marcadas para 6 de dezembro. 

    "Não tenhamos medo de debater todos os temas, o aborto, o casamento igualitário", afirmou Maduro durante ato com a presença de candidatos ao Parlamento. 

    Durante seu discurso, Maduro citou declarações do papa Francisco, que em um documentário lançado na quarta-feira (22) disse que era a favor da união civil gay. 

    Em transmissão para o canal estatal Venezolana de Televisión, o chefe de Estado pediu para os 554 candidatos chavistas não terem medo de discutir temas polêmicas. 

    Nos últimos anos, Maduro se manifestou a favor de leis favoráveis aos direitos das mulheres, mas até o momento não foram aprovadas novas legislações no país em relação ao tema. 

    Além disso, o presidente pediu para a população votar em massa no dia das eleições, de forma pacífica e em prol da estabilidade.

    Tags:
    casamento gay, Nicolas Maduro, direitos humanos, chavismo, eleições, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar