15:41 29 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    370
    Nos siga no

    Segundo a demanda apresentada por uma usuária do Instagram, o aplicativo foi utilizado para coletar "informações lucrativas e valiosas sobre os usuários".

    O Facebook foi processado por uma usuária do Instagram, que assegura que a empresa espiou os usuários através das câmeras dos iPhones, informa a Bloomberg.

    De acordo com a demanda, apresentada por Brittany Conditi no Tribunal do Distrito Norte da Califórnia, EUA, o acesso intencional à câmera dos dispositivos móveis permitiu ao Instagram coletar "informações lucrativas e valiosas sobre seus usuários, a quais de outro modo não teria acesso".

    Ícone da rede social Instagram
    © Sputnik / Natalia Seliverstova
    Ícone da rede social Instagram

    Por sua vez, o Facebook negou as acusações e atribuiu o fato a um erro que, segundo um porta-voz, provocou notificações falsas de que o Instagram estava acessando as câmeras do iPhone, relata The Independent.

    "Apenas acessamos sua câmera quando solicitado, por exemplo, quando você altera do Feed para câmera. Encontramos e estamos corrigindo um erro no iOS 14 Beta, que indica erroneamente que algumas pessoas estão usando a câmera quando não estão", afirmou o porta-voz.

    Outras denúncias foram feitas no dia 13 de agosto, quando o Instagram foi processado por supostamente coletar dados biométricos de mais de 100 milhões de usuários daquela plataforma especializada em compartilhamento de fotos e vídeos.

    A demandante, Kelly Whalen, afirma que o Instagram coleta, salva e se beneficia dos dados biométricos dos usuários sem exigir sua permissão prévia e até mesmo sem informá-los sobre isso.

    Segundo o documento, o Facebook só no início deste ano passou a informar os usuários do Instagram sobre a coleta dos dados biométricos.

    Mais:

    Facebook assumiu agenda política dos EUA, diz pesquisador sobre 'etiquetas' na plataforma
    Facebook aponta dados de usuários como 'superpoder' no combate mundial à COVID-19
    'Precisamos de medidas recíprocas' diz editora-chefe da Sputnik sobre 'etiquetas' do Facebook
    Tags:
    iPhone, usuários, EUA, espionagem, espionagem, Facebook, Facebook, Instagram, Instagram
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar