04:55 23 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    144
    Nos siga no

    O secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, viaja para a América do Sul nesta quinta-feira (17). A agenda incluiu uma parada no Suriname que está sendo interpretada no país como um voto de confiança no novo governo local.

    O ministro das Relações Exteriores do Suriname, Albert Ramdin, disse que conversará com Pompeo quando o oficial estadunidense chegar a Paramaribo e antes dele seguir para Georgetown, na Guiana. 

    Ramdin disse que a reunião de duas horas programada para quinta-feira (17) é um sinal da confiança de Washington no novo governo do país, que tem sua economia focada na exportação de petróleo e ouro. 

    A eleição de Chan Santokhi em julho na ex-colônia holandesa pôs fim a uma década de governo do ex-militar Desi Bouterse.

    Em Georgetown, Pompeo terá reuniões com membros do novo governo do presidente Irfaan Ali, finalmente declarado vencedor das eleições em agosto. O resultado do pleito, realizado em março, levou meses para ser confirmado e passou por intensas batalhas legais. 

    Pompeo anunciou em julho sanções contra membros do governo do ex-presidente David Granger por "minar a democracia", informa a agência de notícias AFP.

    A vitória deu ao governo de Ali o controle de um boom do petróleo no pequeno país, que tem uma população de apenas 750 mil pessoas.

    Em dezembro de 2019, a ExxonMobil iniciou a exploração comercial de uma enorme reserva de petróleo descoberta em 2016 no Guiana.

    Mais:

    Teerã planeja assassinar diplomata dos EUA para vingar morte de Soleimani, afirma Politico
    EUA e Reino Unido possuem dívida milionária em sistemas de defesa com Irã, diz mídia
    Daimler AG é multada em US$ 1,5 bilhão pelos EUA por fraudar dados sobre poluição
    Juiz apontado por Trump declara restrições contra a COVID-19 como 'inconstitucionais'
    Tags:
    América do Sul, petróleo, Suriname, Estados Unidos, Mike Pompeo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar