12:42 20 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    333
    Nos siga no

    Foi encerrada uma busca de dois dias por um marinheiro dos Estados Unidos desaparecido no mar Arábico.

    O fim das buscas foi anunciado nesta terça-feira (8) através de comunicado publicado pela Quinta Frota da Marinha dos EUA. O marinheiro Ian McNight fazia parte da tripulação do porta-aviões norte-americano Nimitz.

    ​A Marinha dos EUA encerrou os esforços de busca e resgate do técnico de sistemas de Informação da 2ª classe, Ian McKnight, designado ao USS Nimitz (CVN 68), a quem se atribui uma queda para fora do navio em 6 de setembro.

    O porta-aviões USS Theodore Roosevelt (CVN 71) e o cruzador de mísseis guiados USS Normandy (CG 60) operam no Mar Arábico realizando operações de segurança marítima. Foto tirada em 21 de abril de 2015.
    © AP Photo / Marinha dos EUA
    O porta-aviões USS Theodore Roosevelt (CVN 71) e o cruzador de mísseis guiados USS Normandy (CG 60) operam no Mar Arábico realizando operações de segurança marítima. Foto tirada em 21 de abril de 2015.

    A busca foi concluída nesta terça-feira (8) "após extensos esforços para localizar McKnight", acrescentou o comunicado. O anúncio da Marinha dos EUA foi publicado após a notificação dos familiares de McKnight.

    O Nimitz começou suas atividades no Pacífico e no Oriente Médio no final de abril deste ano, depois que a tripulação do transportador, de quase cinco mil pessoas, completou a quarentena e os testes para garantir que o navio estava livre da COVID-19.

    Mais:

    Pentágono avisa que monitorará exercícios navais da Rússia, China e Irã no mar Arábico
    Mídia revela rápido aumento de casos da COVID-19 a bordo de porta-aviões dos EUA
    Porta-aviões britânico tem partida adiada pela 2ª vez devido à COVID-19
    Tags:
    Marinha dos EUA, USS Nimitz, mar Arábico
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar