06:22 23 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    Coronavírus no mundo no início de agosto (51)
    150
    Nos siga no

    O Facebook retirou nesta quarta-feira (5) um vídeo postado pelo presidente estadunidense, Donald Trump, por violar as regras da rede social sobre o novo coronavírus. 

    O vídeo era um trecho de entrevista concedida pelo chefe de Estado para a emissora Fox News, no qual ele dizia que crianças eram "quase imunes" ao novo coronavírus. 

    "Esse vídeo inclui falsas alegações de que um grupo de pessoas é imune à COVID-19, o que representa uma violação de nossas políticas sobre desinformação prejudicial acerca da COVID-19", disse um porta-voz do Facebook, segundo publicado pela agência Reuters.

    Segundo a empresa, é a primeira vez que uma publicação de Trump relacionada ao novo coronavírus é removida devido às regras de desinformação sobre a COVID-19. A Casa Branca não fez comentários sobre o assunto. 

    Bolsonaro já teve publicação removida

    Segundo especialistas em saúde, crianças são menos suscetíveis a desenvolver sintomas graves da COVID-19, mas isso não significa que sejam imunes. Há registro de mortes de menores devido à doença. 

    Em maio, o Facebook apagou uma postagem do presidente Jair Bolsonaro por conter informações falsas sobre o coronavírus. O Twitter e o Instagram também já removeram publicações do mandatário pela mesma razão. 

    Tema:
    Coronavírus no mundo no início de agosto (51)

    Mais:

    Cientistas dos EUA descobrem 'uma das coisas mais estranhas do novo coronavírus'
    Generais dos EUA acreditam que explosão no Líbano foi causada por uma bomba, diz Trump
    Facebook acata decisão do STF e bloqueia contas de bolsonaristas fora do Brasil
    Tags:
    desinformação, fake news, Jair Bolsonaro, Facebook, Donald Trump, saúde, epidemia, pandemia, COVID-19, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar