03:42 04 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    COVID-19 e o mundo no final de julho (43)
    0 53
    Nos siga no

    A vacina norte-americana contra a COVID-19, a Moderna, iniciou a sua 3ª fase de testes clínicos nesta segunda-feira (27).

    Esta etapa é a última fase de testes serve para verificar a eficácia da imunização. O estudo irá contemplar 30 mil voluntários adultos.

    "Somos gratos aos esforços de dentro e de fora da companhia para nos levar a esse importante marco. Agradecemos aos participantes e aos pesquisadores, que começaram agora o trabalho do estudo da Cove. Esperamos que nossa pesquisa demonstre o potencial de prevenção à COVID-19 para que possamos derrotar esta pandemia", disse o CEO da Moderna, Stephane Bancel, em comunicado à imprensa.

    É o primeiro teste de vacina neste estágio a ser realizado pelo governo dos EUA. Os resultados da fase 1 do estudo foram publicados em meados de julho e comprovaram a resposta imune contra a COVID-19 em todos os voluntários.

    Além da Moderna, outras quatro vacinas em todo o mundo estão na fase 3 dos estudos, entre elas a chinesa Sinovac e a AstraZeneca, da Oxford, que estão sendo testadas no Brasil.

    De acordo com a Organização Mundial da Saúde, a vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford e da farmacêutica AstraZeneca é a mais adiantada no mundo.

    Tema:
    COVID-19 e o mundo no final de julho (43)

    Mais:

    Flexibilizando isolamento, Argentina tem maior aumento de casos da COVID-19 desde início da epidemia
    Bolsonaro diz que novo teste para COVID-19 deu negativo
    COVID-19: retorno às aulas na rede privada de DF é suspenso pela justiça
    Paraná e Rússia podem firmar parceria por vacina contra COVID-19
    Fome e vacina podem gerar nova onda de migração no mundo pós-COVID, alerta chefe da Cruz Vermelha
    Tags:
    pandemia, vacina, Oxford, COVID-19, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar