00:12 19 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    2710
    Nos siga no

    O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta quinta-feira (16) que torce pela reeleição de Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, mas ressaltou que a relação entre os dois países existe "independente de qual partido" ganhe o pleito.

    "A gente torce pelo [Donald] Trump. Tenho certeza que vamos potencializar, e muito, o nosso relacionamento. Agora, se der o outro lado, da minha parte eu vou procurar, obviamente, fazer algo semelhante. Se eles não quiserem, paciência, né. O Brasil vai ter que se virar por aqui", disse Bolsonaro.

    A eleição presidencial dos Estados Unidos está prevista para novembro e o principal opositor de Trump, do Partido Republicano, é Joe Biden, do Partido Democrata, que lidera as pesquisas de intenção de voto. 

    Bolsonaro afirmou que Fernando Henrique Cardoso, Lula e Dilma Rousseff tratavam os Estados Unidos "quase como inimigos, como opressores, imperialistas". O presidente brasileiro ainda disse que na "questão comercial, tem muita coisa Brasil-Estados Unidos, independente de qual partido, Republicano ou Democrata, esteja no poder".

    Bolsonaro também disse ter a "liberdade" de ligar para Trump "em qualquer momento".

    Mais:

    Tradição ambiental do Brasil deve ser prioritária às posições do governo Bolsonaro, diz especialista
    'Minha Casa, Minha Vida' de Bolsonaro ainda é muito vago, diz especialista
    Queda de Salles pode pôr fim à gestão ambiental 'mula sem cabeça' na era Bolsonaro, diz analista
    Bolsonaro diz que novo teste de COVID-19 deu positivo
    Estudo: 20% da soja brasileira exportada para UE pode ter origem no desmatamento na era Bolsonaro
    Tags:
    Estados Unidos, Brasil, Jair Bolsonaro, Donald Trump
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar