09:16 10 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    0 20
    Nos siga no

    O presidente do Peru, Martín Vizcarra, anunciou neste domingo (5) que convocará um referendo para os cidadãos decidirem sobre a validade da imunidade parlamentar.

    Vizcarra disse que a população irá decidir sobre a continuidade da regra que impede os congressistas de serem investigados pelo Judiciário enquanto ocupam o cargo. Por conta da pandemia de COVID-19, afirmou o presidente, a votação deverá acontecer com as eleições gerais previstas para abril de 2021.

    O referendo também deve incluir votações sobre outros itens, como uma regra que pode retirar das eleições  pessoas condenadas por crimes dolosos e com sentenças maiores de 4 anos.

    O Congresso rejeitou em votação no sábado (4) a eliminação da imunidade parlamentar.

    Após o anúncio do referendo, o presidente do Congresso, Manuel Merino, convocou uma sessão plenária extraordinária e pode votar novamente o assunto. São necessários 87 votos, das 130 cadeiras do Congresso, para mudar a Constituição e abolir a imunidade parlamentar. 

    Mais:

    Presos por abandono familiar poderão deixar cadeia no Peru para evitar COVID-19
    Peru moderniza 'tanques-voadores' Su-25 em contrato com a Rússia
    Grande número de policiais no Peru testa positivo para COVID-19
    Peru anuncia pacote contra coronavírus de 12% do PIB
    Tags:
    imunidade parlamentar, votação, Peru, Martín Vizcarra
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar