23:40 24 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    0 30
    Nos siga no

    De acordo com a mídia local, citando testemunhas, o incidente ocorreu por volta das 15h30, no horário local (22:30 GMT), durante a mudança de turno.

    Pelo menos duas pessoas foram mortas a tiros e outras quatro ficaram feridas em um centro de distribuição do Walmart em Red Bluff, na Califórnia, informou o New York Times neste sábado (28), citando um funcionário do hospital.

    A polícia de Red Bluff confirmou mais tarde que o homem que abriu fogo foi baleado por policiais, no entanto, sua condição permanece desconhecida.

    "Um policial de Red Bluff e um sargento usaram seus rifles de serviço e atiraram no suspeito, acabando com a ameaça. Nenhum dos policiais em cena foi ferido fisicamente durante este incidente e a condição do suspeito é desconhecida no momento desta liberação", informou o comunicado da polícia postado no Facebook.

    Os feridos estão em condição estável, disse Allison Hendrickson, porta-voz do Hospital Comunitário St. Elizabeth em Red Bluff, citado pelo jornal.

    Segundo o New York Times, testemunhas oculares ouviram cerca de 50 tiros. O atirador teria dirigido um veículo branco que estava dentro do prédio. A emissora KHSL TV revelou que um incêndio começou no local, com cerca de 200 trabalhadores ainda dentro das instalações da empresa.

    O Red Bluff Daily News, jornal local, informou que pelo menos cinco ambulâncias chegaram ao local, além de policiais e bombeiros.

    As testemunhas afirmaram ao jornal Sacramento Bee que o atirador estava no estacionamento, quando foi atingido por um tiro no peito, aproximadamente 15 minutos depois do início do incidente.

    Tags:
    tiroteio, EUA, Walmart
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar