15:21 03 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    Situação do mundo com COVID-19 em meados de junho (50)
    0 40
    Nos siga no

    O presidente chileno, Sebastián Piñera, decidiu estender o estado de emergência em vigor no país devido à pandemia da COVID-19 por um período de mais três meses, informou o governo do país em comunicado.

    "O presidente Sebastián Piñera prorrogou nesta segunda-feira [15] o Estado de Exceção Constitucional de Catástrofe por um prazo inicial de 90 dias", diz o comunicado publicado pelo governo chileno.

    O regime de emergência no país, anunciado em 18 de março, prevê a coleta e armazenamento de alimentos, estabelecimento de toque de recolher, quarentena, restrições a reuniões e à liberdade de movimento, além do uso das Forças Armadas nas ruas para fazer cumprir a ordem.

    O presidente chileno Sebastián Piñera
    © Foto / Gentileza Prensa Presidencia de Chile
    O presidente chileno Sebastián Piñera

    O comunicado também informa que Piñera ordenou a substituição dos chefes de defesa nacional das regiões de Maule e Ñuble, respectivamente os generais do Exército, Patrice Van de Maele Silva e Cristián Vial Maceratta. No lugar deles foram nomeados os generais Hugo Lo Presti Rojas e Rubén Segura Flores.

    Segundo os dados da Universidade Johns Hopkins, o Chile acumula um total de 179.436 casos da COVID-19 e 3.362 mortes causadas pela doença. Entre os países da América do Sul, o Chile figura como um dos mais afetados, com menos casos registrados apenas que Brasil e Peru.

    Tema:
    Situação do mundo com COVID-19 em meados de junho (50)

    Mais:

    Chile promulga lei que reduz salários de políticos do país
    Chile registra recorde diário com 6.754 novos casos de COVID-19
    Ministro da Saúde do Chile renuncia após críticas à sua gestão da crise durante pandemia da COVID-19
    Tags:
    COVID-19, Sebastián Piñera, Chile
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar