04:25 20 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    0 03
    Nos siga no

    As autoridades da Colômbia expulsaram do país Gerardo Rojas Castillo, um suposto militar da Força Armada Nacional Bolivariana da Venezuela.

    "A Migração Colômbia se permite informar à opinião pública que há poucos minutos o cidadão venezuelano José Rojas Castillo foi expulso do território nacional", indica um comunicado da entidade.

    O comunicado agrega que "o cidadão estrangeiro foi expulso de maneira discricionária pela autoridade migratória colombiana, com base em um informe entregue pelo Exército Nacional em que se indicava que o cidadão venezuelano, pertencente às Forças Armadas desse país, estava realizando atividades não autorizadas, que poderiam colocar em risco a segurança nacional".

    O venezuelano foi expulso por um período de dez anos, período durante o qual não poderá retornar ao país e, para fazê-lo depois dessa data, deverá solicitar um visto ao Ministério das Relações Exteriores da Colômbia.

    Rojas Castillo foi preso na cidade de Valledupar por membros do Exército colombiano e deixado à disposição da Migração Colômbia, que o conduziu até Paraguachón, na fronteira com a Venezuela, a fim de efetivar a medida de expulsão.

    Mais:

    Manifestantes derrubam, tacam fogo e jogam em lago estátua de Cristóvão Colombo nos EUA (FOTOS)
    Venezuela acusa EUA de atacarem 'o coração da economia venezuelana' com ações contra petroleiros
    Maduro acusa líder da Colômbia de 'supervisionar' mercenários para incursões na Venezuela
    Tags:
    fronteira, espionagem, espião, Venezuela, Colômbia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar