04:59 31 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    4103
    Nos siga no

    A empresa privada de foguetes do empresário bilionário Elon Musk, a SpaceX, foi forçada pelo mau tempo a adiar o lançamento planejado para esta quarta-feira (27) de dois norte-americanos para o espaço.

    O feito marcaria o primeiro voo espacial de astronautas da NASA a partir do território dos EUA em nove anos.

    A contagem regressiva foi interrompida quando faltavam menos de 17 minutos para o horário marcado para o lançamento do foguete SpaceX Falcon 9 do Centro Espacial Kennedy, na Flórida.

    O lançamento foi reagendado para a tarde de sábado (30).

    Segundo um comunicado da própria NASA, as chuvas constantes juntamente com o alerta de tornado emitido pelo Serviço Nacional de Meteorologia impediram o lançamento do foguete.

    A viagem dos astronautas até a Estação Espacial Internacional tem previsão de duração de 19 horas.

    O presidente dos EUA, Donald Trump, já havia chegado ao local para observar o lançamento. Elon Musk, o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, e o chefe da NASA, Jim Bridenstine, também estavam lá para o lançamento planejado.

    Mais:

    Tecnologia impede ciência: astrônomos se irritam com satélites de Elon Musk
    Protótipo da espaçonave de Elon Musk explode em teste e tem seu topo jogado longe (VÍDEO)
    'Cybertruck' de Elon Musk é avistado nas ruas de Moscou (VÍDEO)
    Frota de satélites de Musk pode atrapalhar busca por asteroides perigosos para Terra, aponta estudo
    Elon Musk se oferece para produzir ventiladores médicos para combater coronavírus
    Tags:
    foguete, lançamento, Estação Espacial Internacional, Elon Musk, NASA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar