05:42 04 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    11729
    Nos siga no

    O secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, condenou nesta sexta-feira (22) a proposta da China de legislação de segurança nacional para Hong Kong, chamando-a de "arbitrária e desastrosa".

    A declaração de Pompeo foi feita através de um comunicado oficial do Departamento de Estado dos EUA.

    "Os Estados Unidos repudiam a proposta de impor unilateral e arbitrariamente uma legislação de segurança nacional a Hong Kong", escreveu o secretário.

    Segundo o texto, a proposta chinesa é um desrespeito à autonomia de Hong Kong.

    "Os Estados Unidos exortam fortemente Pequim a reavaliar sua proposta desastrosa, cumprir suas obrigações internacionais e respeitar o alto grau de autonomia, as instituições democráticas e as liberdades civis de Hong Kong, que são essenciais para preservar seu status especial sob a lei dos EUA", completou o texto.

    Na quinta-feira (21), um porta-voz do Gabinete do Comissário do Ministério das Relações Exteriores da China em Hong Kong disse que Pompeo está usando uma legislação sobre direitos humanos para pressionar o governo de Hong Kong e ameaçar a soberania da China.

    O porta-voz ainda acrescentou que a China não se intimida com as manobras políticas de Washington e que Pequim protegeria seus interesses nacionais de todas as ameaças estrangeiras.

    Mais:

    Diretor de ONG de direitos humanos é impedido de entrar em Hong Kong
    Protestos em Hong Kong são 'muito parecidos' aos na Venezuela, diz Arreaza
    Polícia de choque persegue manifestantes em shopping center de Hong Kong
    China vê Pompeo como 'chantagista' após questionar democracia em Hong Kong
    Tags:
    Hong Kong, China, Estados Unidos, Mike Pompeo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar