18:31 19 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    Mundo enfrentando pandemia no fim de maio (69)
    182
    Nos siga no

    O número total de desempregados nos Estados Unidos chegou a 39 milhões durante a pandemia do novo coronavírus.

    O número de desempregados aumentou em 2,5 milhões apenas na semana passada, informou o Departamento do Trabalho dos EUA nesta quinta-feira (21). Apesar do aumento geral, houve uma queda em relação à semana anterior, quando quase três milhões de pessoas entraram com pedidos de seguro-desemprego no país.

    Com o aumento de cerca de 1,7 ponto percentual de uma semana para a outra, a taxa de desemprego nos EUA chegou a 17,2%, ainda segundo o Departamento do Trabalho norte-americano.

    No primeiro trimestre de 2020, a economia dos EUA encolheu 4,8%, o maior declínio econômico desde a crise de 2008-2009. Embora quase todos os 50 estados norte-americanos tenham dado início à reabertura da economia, os economistas alertam para a possibilidade de uma forte recessão no segundo trimestre, o que significa que as perdas de empregos podem permanecer consideráveis.

    Moradora da cidade de Chelsea leva comida para casa, no estado de Massachusetts, EUA, 19 de maio de 2020
    © REUTERS / Brian Snyder
    Moradora da cidade de Chelsea leva comida para casa, no estado de Massachusetts, EUA, 19 de maio de 2020

    Os maiores aumentos nos pedidos de seguro-desemprego no país aconteceram na Flórida. O estado norte-americano com forte impulso econômico em atividades de turismo e lazer, teve 48.222 pedidos a mais do que na semana anterior devido às demissões provocadas pela queda nas viagens de férias, situação forçada pela pandemia.

    A Califórnia, por outro lado, teve a maior queda no número de pedidos de auxílio. O estado mais populoso dos EUA, com uma das economias mais diversificadas do país, viu uma queda de 103.590 registros em relação à semana anterior.

    Os EUA são o país mais afetado pela pandemia do novo coronavírus. O país registrou mais de 1,5 milhão de casos de COVID-19 e 93.863 mortes causadas pela doença, segundo os dados da Universidade Johns Hopkins.

    Tema:
    Mundo enfrentando pandemia no fim de maio (69)

    Mais:

    Por que as relações entre EUA e China atingiram ponto tão baixo?
    Pentágono: militares chineses desafiam EUA com incidentes 'arriscados' no mar do Sul da China
    Conversas vazadas entre Poroshenko e Joe Biden podem 'dar jeito' a Donald Trump nas eleições nos EUA
    Tags:
    Departamento do Trabalho, novo coronavírus, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar