19:48 30 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    181
    Nos siga no

    O governo de Donald Trump está dividido na discussão sobre a implantação de uma rede 5G. O Pentágono, a NASA e outros entes do governo estão em desacordo com outras esferas do poder.

    A Comissão Federal de Comunicações (FCC, na sigla em inglês) votou no final de abril para aprovar a implantação de uma rede celular 5G pela Ligado Networks.

    Os opositores do plano argumentam que ele usaria espectro que poderia potencialmente interromper as frequências GPS usadas para sinais comerciais e militares, informa a agência de notícias AFP.

    A decisão da FCC recebeu o apoio do procurador-geral Bill Barr e do secretário de Estado, Mike Pompeo.

    Mas o chefe do Pentágono, Mark Esper, a NASA, o Departamento de Comércio, o Departamento de Segurança Interna e as principais companhias aéreas manifestaram sua oposição.

    Na quarta-feira (6), as principais autoridades do Pentágono apresentaram seu caso perante um comitê do Senado.

    "Existem muitas incógnitas e os riscos são grandes demais para permitir que o sistema [da Ligado Networks] proposto prossiga à luz do impacto operacional no GPS", disse Dana Deasy, a principal consultora do secretário de Defesa na área de tecnologia da informação.

    O senador Jim Inhofe, republicano de Oklahoma que preside o Comitê de Serviços Armados do Senado, também manifestou sua oposição ao projeto da Ligado Networks, uma empresa da Virgínia anteriormente conhecida como LightSquared.

    "Não acho uma boa idéia colocar em risco os sinais de GPS que permitem nossa segurança nacional e econômica em benefício de uma empresa e de seus investidores", afirmou Inhofe.

    Mais:

    EUA pressionam Canadá a não adotar tecnologia da Huawei na rede de 5G
    Postes da rede 5G estão sendo incendiados no Reino Unido por medo da COVID-19
    China instala torres de 5G no monte Everest para fazer transmissão ao vivo do local (FOTOS)
    5G da Huawei, IA e automatização na linha de combate são cruciais contra pandemia, diz relatório
    'Febre' anti-5G se alastra a Países Baixos com torres de telecomunicações sendo incendiadas
    Tags:
    5G, China, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar