21:17 04 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    Pandemia da COVID-19 e o mundo no início de maio (100)
    163
    Nos siga no

    A presidente da Câmara dos Representantes dos EUA, Nancy Pelosi, e o líder da maioria do Senado do país, Mitch McConnell, recusaram a proposta do governo de passar por testes do coronavírus.

    Os testes haviam sido oferecidos pela administração do presidente Donald Trump para que os congressistas americanos pudessem saber se contraíram o coronavírus em poucos minutos.

    Contudo, em uma declaração, a presidente da Câmara dos Representantes, a democrata Nancy Pelosi, e o chefe da maioria republicana no Senado, o senador Mitch McConnell, rejeitaram submeter os congressistas ao teste.

    "O Congresso é grato pela generosa oferta da Administração [do governo] para instalar postos de testes rápidos da COVID-19 no Capitólio [de Washington], mas recusamos respeitosamente a oferta neste momento", indica a declaração, publicada pelo jornal Washington Post.

    A recusa dos congressistas teria como objetivo primeiramente suprir a demanda de testes entre a população.

    O Congresso americano "quer continuar direcionando os recursos para a linha de frente [do combate ao coronavírus], onde eles podem fazer o melhor e o mais rápido", indica a declaração.

    'Washington cheia de testes'

    Ainda ontem (2) o presidente americano afirmou que seu país tinha diversos testes para serem usados pelos congressistas que retornarão às suas atividades amanhã (4).

    Existe uma enorme capacidade de testes de coronavírus em Washington para os senadores que voltem ao Capitólio na segunda-feira [4]. Da mesma forma para a Câmara, que deveria voltar [ao trabalho] mas não está voltando por causa da maluca da Nancy P. Será usado o teste Abbot, que leva 5 minutos. Por favor, avisem o doutor Brian P. Monahan.

    Ainda de acordo com a mídia, o assessor de um membro do Partido Democrata americano disse que nem o Congresso americano, nem o médico da instituição, Brian P. Monahan, haviam requerido qualquer teste rápido.

    Tema:
    Pandemia da COVID-19 e o mundo no início de maio (100)

    Mais:

    Justiça suspende determinação que obrigava Bolsonaro a entregar exames de coronavírus
    Especialista explica por que nenhuma vacina conseguirá parar o coronavírus
    Novo teste detectaria portador de coronavírus antes que consiga contagiar terceiros
    Tags:
    COVID-19, EUA, Mitch McConnell, Nancy Pelosi, Congresso dos EUA, teste, pandemia, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar