12:46 02 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    3170
    Nos siga no

    Chegaram à Venezuela 4 mil kits de testes para o novo coronavírus e suprimentos médicos enviados pela China à nação sul-americana, informou nesta quinta-feira a vice-presidente venezuelana, Delcy Rodríguez.

    "Estamos recebendo da República Popular da China kits de testes. Estamos recebendo 4 mil kits de testes e todos os medicamentos e reagentes necessários para esses kits. Estamos recebendo trajes de biossegurança, luvas, purificadores de ar para os centros de saúde", afirmou Rodríguez durante declarações no aeroporto de Maiquetía, no estado de La Guaira.

    Na última quarta-feira, ministro venezuelano das Relações Exteriores, Jorge Arreaza, acusou os Estados Unidos de usar sanções econômicas para agravar a crise do novo coronavírus em determinados países, como a Venezuela, que, por conta dessas restrições, têm encontrado dificuldades para adquirir medicamentos.

    Em meio a essa crise, o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, decidiu recorrer à Organização Mundial da Saúde (OMS), solicitando ajuda à entidade para combater o surto da COVID-19 em seu país. 

    Presidente Nicolás Maduro solicitou à OMS uma ajuda humanitária especial, através de kits, testes para detectar o coronavírus, insumos, assistência e cooperação técnica, informa a vice-presidente executiva Delcy Rodríguez.

    ​Atualmente, a Venezuela tem 42 casos confirmados do novo coronavírus, e nenhuma morte. No mundo, 244.786 pessoas já contraíram a COVID-19, das quais 87.407 se recuperaram e 10.030 morreram.

    Mais:

    Cientistas russos afirmam ter decifrado genoma do novo coronavírus
    Cuba registra 1ª morte por COVID-19
    Peru registra 1ª morte causada pelo novo coronavírus
    Tags:
    saúde, doença, surto, novo coronavírus, China, Caracas, Nicolás Maduro, Delcy Rodríguez, exame, teste, América do Sul, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar