07:49 05 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    18231
    Nos siga no

    A taxa de suicídios entre militares da Força Aérea dos EUA chegou ao seu maior nível em três décadas, por motivos ainda desconhecidos.

    As Forças Armadas norte-americanas confirmaram preliminarmente 84 suicídios em 2019. Os dados oficiais serão publicados até o final do ano, segundo a agência de notícias AP.

    A taxa revelada é significativamente mais alta do que os 60 casos registrados em 2018. Contudo, a Marinha e o Exército norte-americanos não apresentaram um aumento considerável.

    As Forças Armadas dos EUA estão tentando há anos combater o aumento dos casos de suicídio na população norte-americana. Um dos possíveis fatores para os suicídios seria o estresse nas zonas de combate no Afeganistão e no Iraque. Outros fatores como transtorno bipolar e consumo excessivo de álcool também foram citados.

    "O suicídio é um problema nacional complicado, sem soluções identificáveis facilmente, que tem toda atenção dos líderes", afirmou o tenente-general Brian Kelly.

    Apesar das dificuldades em compreender o que estaria elevando o número de suicídios, a Força Aérea segue focada em encontrar soluções imediatas, de médio e longo prazo para resolver a questão.

    Mais:

    Brasil entra como país observador nos exercícios militares entre Colômbia e EUA (FOTOS, VÍDEOS)
    Defesa russa confirma 'intercepção' de comboio militar da Rússia pelos EUA na Síria
    Marinha dos EUA investiga vídeos secretos de militares trocando de roupa em site pornô
    Tags:
    militares, Força Aérea dos EUA, Força Aérea, epidemia de suicídios
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar