14:18 23 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    241726
    Nos siga no

    Enquanto médicos e pesquisadores lutam para conter a propagação do novo coronavírus, que surgiu da província chinesa de Wuhan em dezembro de 2019, um pastor dos Estados Unidos recentemente sugeriu que a causa da epidemia pode ser divina.

    De acordo com o portal Right Wing Watch, que monitora e expõe atividades de organizações políticas de extrema-direita, Rick Wiles, um pastor do estado norte-americano da Flórida e criador do canal TruNews, sugere que a epidemia pode ter sido enviada pelo "Todo-poderoso".

    "Meu espírito testemunha que esta é uma genuína praga que se aproxima da Terra, e Deus nos punirá por muitos dos pecados deste planeta", afirma Wiles.

    Rick Wiles diz que o coronavírus é uma praga enviada por Deus para punir o mundo do pecado, já que o fim dos tempos se aproxima e aqueles que zombam de Deus "devem abrir os olhos, porque há um Anjo da Morte solto e vocês vão ter uma mudança de atitude".

    Argumentando que "pragas são uma das últimas etapas do julgamento", o pastor descreve a China como um "Estado sem Deus", liderado por "um governo comunista ateu que persegue cristãos", antes de fazer também declarações sobre os Estados Unidos.

    "Vejam os Estados Unidos, vejam a rebelião espiritual neste país, o ódio a Deus, o ódio à Bíblia, o ódio à Justiça", acrescentou o norte-americano.

    Wiles acredita que "o Anjo da Morte pode estar se movendo pelo planeta agora mesmo", e sugere que este é o momento para que todos se "acertem com Deus".

    Mais:

    Coreia do Norte restringe voos da China em meio a preocupações com coronavírus
    Coronavírus: EUA enviarão Boeing à China para retirar cidadãos de Wuhan, diz jornal
    Emirados Árabes confirmam 1° caso de coronavírus
    Tags:
    extrema-direita, pastor, Estados Unidos, coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar