16:23 21 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    160
    Nos siga no

    O voo da companhia aérea United Airlines com destino à Los Angeles que decolou do Aeroporto Internacional de Newark na noite de quarta-feira (15) foi obrigado a regressar e aterrissar de emergência devido a uma avaria no motor.

    O voo, que era previsto para sair às 19 h (horário local), tinha acabado de decolar quando, momentos mais tarde, o motor direito do avião começou a largar faíscas e vários passageiros do voo ficaram aterrorizados com o que estavam vendo.

    "A experiência mais assustadora da minha vida, o voo foi adiado por 2 horas devido a questões da manutenção. Após a decolagem, a asa direita do avião (onde eu estou sentada em um assento do corredor) está deitando faíscas e agora um dos motores se avariou. Eles [tripulação] estão anunciando algo, mas eu não consigo ouvir nada porque as pessoas estão gritando", escreveu uma das passageiras.

    ​Avião onde eu estava teve uma avaria no motor minutos após decolagem.

    Um dos passageiros, que regressava a casa de Tel Aviv (Israel), estava pensando o pior.

    "Nós viemos agora do Oriente Médio, estão você fica pensando, isto será um problema no motor, será um míssil? Tudo passa de repente pela cabeça", aponta portal ABC7.

    Ele acrescentou que alguns passageiros que estavam sentados perto do motor e que poderiam ver o que parecia ser chamas saindo por baixo da asa estavam gritando. Mais tarde o avião regressou ao Aeroporto Internacional de Newark aterrissando com segurança.

    Mais:

    Avião realiza pouso de emergência após motor ficar em chamas no Canadá (VÍDEO)
    Por que chamas de motores de aviões russos e americanos têm cores diferentes?
    Tags:
    Newark, EUA, acidente aéreo, pouso de emergência
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar