14:43 19 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    5141
    Nos siga no

    Com os avistamentos de drones se deslocando ligeiramente para leste dos sítios originais, e também captados por câmeras, a busca dos aparelhos voadores está a envolver cada vez mais organizações governamentais.

    A Administração Federal de Aviação (FAA, sigla em inglês) dos EUA se juntou à busca da razão do aparecimento de formações de drones misteriosos, que têm surgido à noite nos céus dos estados de Colorado e Nebraska, revelou o portal The Drive.

    Depois que as autoridades dos condados onde ocorreram os incidentes envolverem a FAA, os xerifes realizaram um encontro à porta fechada com a organização e outras entidades, que vão agora utilizar um avião de reconhecimento sofisticado, almejando encontrar o caminhão ou van de comando que possa estar controlando ou monitorando os voos dos drones. O FBI também estará envolvido no caso.

    Desde o final de dezembro, quando os avistamentos foram noticiados no sudoeste de Nebraska e nordeste de Colorado, eles têm sido observados cada vez mais a oriente, captados facilmente por seus sons de motor pela emissora WOWT, por exemplo.

    Observadores que relataram o caso à emissora chegaram a dizer que quando tentaram capturar os drones em vídeo, eles desligaram suas luzes e voaram para fora do local. No entanto, uma fonte considera que os drones se deslocam em sentido fixo por piloto automático, e não por controlo manual.

    Métodos de pesquisa

    Colorado utilizará turboélices Pilatus PC-12 (utilizados para monitorar o ambiente e a fauna) e aeronaves Boeing P-8 Poseidon avançadas para ajudar na procura do posto de controlo dos drones.

    Tudo indica que são aeronaves não tripuladas e não identificadas voando em formações complexas sobre enormes extensões de terreno e operadas por desconhecidos, e não voos secretos do Exército dos EUA ou de outra agência governamental. The Drive contatou funcionários da base aérea de Warren, localizada junto dos sítios em que foram reportados os incidentes, com estes comunicando seu desconhecimento dos eventos. A FAA está recusando revelar qualquer tipo de informação.

    O Escritório de Gestão de Emergências do Condado de Clay, no Colorado, apelou para maior transparência no voo de drones, e apelou às pessoas para relatar informações sobre eles, tal como o fez o Escritório do Xerife do Condado de Morgan.

    Os pequenos drones se têm tornado uma das ameaças mais urgentes e elusivas com a qual o Pentágono e as agências de manutenção da lei estão tentando lidar, e "eles estão muito atrasados na corrida" para lidar com o problema, refere a fonte.

    Anteriormente, foi teorizado que organizações militares ou governamentais estariam realizando operações de mapeamento, tendo em conta que alguns dos drones pairavam no ar por longos períodos de tempo. Alguns usuários das redes sugeriram que o History Channel ou cartéis de drogas mexicanos estariam dirigindo as formações de drones bem-organizadas nesses estados, entre outras teorias.

    Mais:

    Drone espião dos EUA conduz operação próximo à Crimeia
    Saiba mais sobre drone dos EUA que teria matado Soleimani
    Derruba drones e mísseis de cruzeiro: novo sistema antiaéreo portátil entra no arsenal russo (FOTOS)
    Tags:
    veículos não tripulados, EUA, drone
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar