05:17 28 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    532
    Nos siga no

    A proposta de orçamento ainda deverá ser votada na Câmara dos Representantes e no Senado, mas ambas as câmaras já expressaram sua aprovação do documento.

    O orçamento de defesa coordenado no Congresso dos Estados Unidos na segunda-feira (9) proíbe a entrega de aeronaves norte-americanas F-35 para a Turquia, segundo o documento publicado.

    Anteriormente, se soube que os comitês de assuntos militares da Câmara dos Representantes e do Senado dos EUA concordaram com a proposta de defesa para 2020, mas esta ainda não foi votada. Se o documento for aprovado, será submetido ao presidente dos EUA para assinatura.

    O documento "proíbe a transferência de caças F-35 para a Turquia".

    As entregas dos mais recentes sistemas de defesa antiaérea russos S-400 causaram uma crise nas relações da Turquia com os EUA, iniciada em meados de julho.

    Sistemas S-400
    © Sputnik / Sergei Guneev
    Sistemas S-400

    A aquisição por Ancara dos sistemas S-400 levou os EUA a ameaçarem impor sanções a Ancara, no quadro da Lei de Combate aos Adversários da América por Meio de Sanções (CAATSA, em inglês).

    De acordo com o presidente da Turquia, Tayyip Erdogan, os sistemas S-400 estarão totalmente operacionais em abril de 2020. Washington exigiu que o país recusasse o acordo e, em troca, optasse pela compra dos complexos americanos Patriot, ameaçando adiar ou mesmo cancelar a venda dos mais recentes caças F-35 à Turquia, bem como introduzir sanções. Ancara recusou-se a fazer concessões.

    Mais:

    Deputado alemão: OTAN deve responder à compra dos S-400 colocando sistemas dos EUA na Turquia
    Turquia testa novo drone de combate (VÍDEO)
    Sistemas S-400 da Turquia receberam ferramenta única que preocuparia pilotos da OTAN
    Tags:
    F-35, S-400, EUA, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar