13:43 11 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Evo Morales, presidente da Bolívia, em Moscou

    Evo Morales deixa a Bolívia rumo ao México

    © Sputnik / Sergei Guneev
    Américas
    URL curta
    22328
    Nos siga no

    O agora ex-presidente Evo Morales deixou a Bolívia na noite desta segunda-feira (11) e pegou um avião em direção ao México.

    Em comunicado via Twitter, Evo Morales disse que estava agradecido ao México por ter lhe oferecido asilo.

    "Me dói sair do país por razões políticas, mas estarei sempre atento. Em breve voltarei com mais força e energia", escreveu o ex-mandatário.

    De acordo com o chanceler mexicano, Marcelo Ebrard, Evo Morales embarcou por volta das 23h (horário de Brasília) na aeronave cedida pelo governo mexicano em Chimoré, perto de Cochabamba.

    Irmãs e irmãos, parto rumo ao México, agradecido pelo despreendimento do governo desse povo irmão que nos deu asilo para cuidar de nossas vidas. Me dói sair do país por razões políticas, mas estarei sempre atento. Em breve voltarei com mais força e energia.

    Ebrard disse que o governo do presidente Andrés Manuel López Obrador não reconhecerá um governo de caráter militar na Bolívia.

    "Consideramos um golpe o que ocorreu [na Bolívia] ontem [...] É um golpe porque o Exército pediu a renúncia do presidente e isso violenta a ordem constitucional do país", afirmou Ebrard em uma coletiva de imprensa concedida mais cedo nesta segunda-feira.

    Mais:

    Chanceler do México garante asilo político a Evo Morales
    Camponeses leais a Evo Morales marcham para La Paz
    Forças Armadas são enviadas às ruas na Bolívia para conter protestos
    Especialista: Brasil se excede e relações com Bolívia dependerão de quem assumir presidência
    Tags:
    México, asilo político, Evo Morales
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar