15:46 22 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, mostra documento enquanto fala durante evento de abertura do comércio internacional do Petro, a moeda criptográfica desenvolvida pelo governo venezuelano, em Caracas, Venezuela, 1º de outubro de 2018

    Maduro autoriza câmbio de criptomoeda petro em moedas estrangeiras

    © REUTERS / Carlos Garcia Rawlins
    Américas
    URL curta
    250
    Nos siga no

    O presidente venezuelano Nicolás Maduro autorizou aos 3 milhões de investidores da moeda virtual petro trocá-la por moedas estrangeiras.

    O líder bolivariano pediu à Superintendência Nacional de Criptoativos (Sunacrip), ao Banco Central da Venezuela e à vice-presidência de Economia para iniciar o processo.

    "Passamos a converter os petros economizados em bolívares em petros em moeda estrangeira para comprar em qualquer empresa ou estabelecimento comercial", disse Maduro nesta terça-feira (22).

    "Este é o primeiro teste que vamos fazer para colocar o petro em moedas conversíveis, o petro internacional nas mãos do povo, começamos com os detentores de poupanças. É um prêmio porque eles mostraram confiança no petro. A confiança se paga com prêmio", enfatizou.

    ​"A partir de hoje, através da Sunacrip, do Banco Central da Venezuela e da vice-presidência de Economia, passamos a converter os petros economizados em bolívares em petros em moeda estrangeira para comprar em qualquer empresa ou estabelecimento comercial", disse Maduro, disse Nicolás Maduro

    Maduro também mostrou grande interesse em assinar um acordo de cooperação humanitária com a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO).

    "Ratifico a minha intenção de que o Programa Alimentar Mundial da FAO chegue à Venezuela. Estou pronto para assinar. Não sei por que demora tanto tempo", comentou.

    Crise econômica

    O petro é uma criptomoneda venezuelana apoiada por reservas de vários recursos naturais, como petróleo, ouro, diamantes e gás.

    No dia 29 de outubro começou a venda da criptomoeda na Venezuela como forma de incentivar a poupança em tempos de crise econômica. Tal ação visa proteger a renda dos empregados contra a crise econômica e os preços especulativos, informou Maduro previamente.

    Mais:

    Maduro diz que Venezuela só venderá petróleo em petro no ano que vem
    Presidente venezuelano anuncia aumento no petro e no salário mínimo
    Plano de Poupança em Petro: Venezuela inicia venda de criptomoeda via moeda nacional
    Tags:
    Nicolás Maduro, criptomoeda, petro, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar