11:22 14 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    A aeronave da empresa American Airlines

    Avião rumo aos EUA faz pouso de emergência após derramamento de produto químico durante voo

    © AFP 2019 / KAREN BLEIER
    Américas
    URL curta
    102
    Nos siga no

    O voo AA729 de Londres (Reino Unido) à Filadélfia (EUA) fez um pouso de emergência após o derramamento de produtos químicos que causaram um "surto de doença" a bordo, informa mídia.

    De acordo com relatórios de monitoramento aéreo e comunicações entre pilotos e controladores de tráfego aéreo, o avião de passageiros da American Airlines aterrissou em Dublin, na Irlanda, nesta segunda-feira (21).

    A aeronave, com 287 passageiros a bordo, teve que pousar depois de dois membros da tripulação terem ficado inconscientes e várias pessoas terem reclamado de olhos irritados e comichão na pele devido a um "produto de limpeza à base de amônia".

    "Foi derramado. Por alguma razão, o contêiner foi deixado trás no avião em um dos lavabos […] Continuou a infiltrar-se no tapete. Disseram-me que não era uma substância tóxica, [mas] solicitamos paramédicos a bordo do avião", disse um dos tripulantes do voo, citado pela Express.

    ​American Airlines, voo AA729, de Londres para a Filadélfia (Airbus A330-300 N279AY) voltou para trás, ao sudoeste da Irlanda, e está desviando para Dublin. Piloto informa sobre derramamento de fluido de limpeza. Dois tripulantes temporariamente inconscientes; vários passageiros com olhos irritados e pele coçando

    Segundo o Irish Examiner, a companhia aérea especificou que paramédicos foram até a aeronave "para avaliar os membros da tripulação ou passageiros que possam necessitar de assistência adicional".

    Mais:

    Avião sai da pista durante pouso e quase cai em lago (FOTO)
    Avião com 6 pessoas a bordo cai durante pouso na Índia (FOTOS, VÍDEO)
    Passageiro fuma maconha a bordo e 'força' avião a pousar de emergência nos EUA (VÍDEO)
    Tags:
    amônia, pouso de emergência, avião, American Airlines
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar