15:42 19 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Senador americano Bernie Sanders

    Após cirurgia cardíaca, Sanders diz que nunca considerou abandonar corrida presidencial

    © AP Photo / Matt Rourke
    Américas
    URL curta
    120
    Nos siga no

    Bernie Sanders afirmou nesta quinta-feira (10) que nunca pensou em desistir da corrida presidencial depois de sofrer um ataque cardíaco na semana passada e caracterizou sua recuperação como "até agora, muito boa".

    Em uma entrevista à CNN em sua casa em Vermont, onde ele está se recuperando, o senador disse que não sentiu "um pingo de dor" e que, depois de participar do debate presidencial democrata de terça-feira em Ohio, provavelmente fará viagens a Iowa, Nevada e possivelmente New Hampshire.

    "Estamos prontos para dar o máximo", afirmou Sanders. "Quando você ouve a palavra 'ataque cardíaco', está pensando em alguém deitado no chão com uma dor terrível. Não foi o caso, ok", disse Sanders. "O dia em que acordei após o procedimento, sem dor. Sem dor. Sem dor agora. Sinto-me muito bem."

    Ele disse que sentiu sintomas por várias semanas e que "deveria ter prestado mais atenção", incluindo estar especialmente cansado após longos dias de campanha, tendo problemas para dormir e às vezes se sentindo "um pouco instável" enquanto falava em eventos. Ele disse que certa vez se moveu para segurar um microfone e percebeu que seu braço doía.

    Na noite de 1º de outubro, ele estava em um evento em Las Vegas e pediu que uma cadeira fosse levada ao palco "pela primeira vez na minha vida", disse.

    Suando profusamente, ele disse que deixou o evento mais rápido que o normal e estava voltando para o hotel quando a dor no braço o levou a ir a um centro de atendimento de urgência onde "o médico fez o diagnóstico em cerca de três segundos".

    Levado de ambulância ao hospital, Sanders disse que foi submetido a uma cirurgia para inserir stents em uma artéria bloqueada.

    Mais:

    Parlamentar turco sugere fechar base aérea aos EUA em resposta às ameaças de Trump à Turquia
    'Eles não nos ajudaram durante a 2ª Guerra Mundial', declara Trump após abandonar curdos
    Após promessa de Trump, EUA rejeitam endossar entrada do Brasil na OCDE
    Negociação para encerrar guerra comercial com China está indo 'muito bem', diz Trump
    'Não houve chantagem' de Trump, afirma presidente ucraniano em coletiva de 14 horas
    Tags:
    Corrida presidencial nos EUA, presidente, Bernie Sanders, Donald Trump, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar