05:47 14 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Sede da Organização dos Países Exportadores de Petróleo, OPEP, em Viena, Áustria (arquivo).

    Equador decide sair da OPEP em 2020

    © AP Photo / Ronald Zak
    Américas
    URL curta
    1271
    Nos siga no

    O Equador planeja sair da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) a partir de janeiro de 2020. A informação foi divulgada pelo ministro da Energia do país sul-americano.

    "O governo equatoriano decidiu deixar de pertencer à Organização dos Países Exportadores de Petróleo [OPEP] a partir de 1º de janeiro de 2020", disse o ministro da Energia do Equador, Carlos Pérez, em comunicado.

    De acordo com o relatório da OPEP de setembro, a produção de petróleo do Equador em agosto totalizou 537 mil barris por dia. O país é um dos membros da OPEP com a menor produção de petróleo.

    O Equador ingressou na OPEP em 1973. Dezenove anos depois, em 1992, ele suspendeu voluntariamente sua associação e a renovou novamente em 2007.

    Mais:

    Trump: países da OPEP vão compensar fluxo de petróleo após sanções ao Irã
    Arábia Saudita pondera abandonar dólar se lei anti-OPEP for aprovada nos EUA
    OPEP pode acabar por 'culpa' da Arábia Saudita, acusa ministro iraniano
    Tags:
    petróleo, OPEP, Equador
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar