06:15 19 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo

    EUA adicionam 12 pessoas e organizações à lista de sanções por terrorismo

    © AP Photo / Sait Serkan Gurbuz
    Américas
    URL curta
    514
    Nos siga no

    Os Estados Unidos ampliaram suas sanções ligadas ao terrorismo e acrescentaram 12 indivíduos e organizações à lista. A informação foi divulgada pelo secretário de Estado, Mike Pompeo, em entrevista coletiva na Casa Branca.

    "Hoje, o Departamento de Estado anuncia a inclusão de 12 líderes de grupos terroristas na lista de sanções", afirmou Pompeo.

    De acordo com o secretário de Estado, o presidente dos EUA, Donald Trump, assinou um decreto modificando o regime de sanções de forma a maximizar a possibilidade de seu uso contra terroristas.

    A nova lista de sanções inclui líderes de organizações como Hamas, Hezbollah, bem como a Jihad Islâmica e Daesh (ambos grupos terroristas proibidos na Rússia).

    O ministro das Finanças, Stephen Mnuchin, também disse que as sanções contra a Guarda Revolucionária Islâmica no Irã, que os EUA classificam como uma organização terrorista, serão ampliadas.

    O presidente Donald Trump, em comunicado escrito, disse que seu novo decreto executivo, que revoga ou modifica vários anteriores, permite "modernizar e expandir as sanções antiterroristas".

    Mais:

    EUA endurecem sanções contra Cuba por 'apoio à Venezuela'
    Irã estaria usando frota 'fantasma' para burlar sanções dos EUA
    Irã atinge novo recorde no comércio de hidrocarbonetos apesar das sanções impostas pelos EUA
    Tags:
    Donald Trump, daesh, EUA, terrorista, sanções
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar