03:18 13 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Hua Chunying

    China adverte que sanções dos EUA contra Venezuela não vão ajudar a resolver o problema

    © AP Photo / Ng Han Guan
    Américas
    URL curta
    11311
    Nos siga no

    A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Hua Chunying, disse nesta quarta-feira (7) que as sanções impostas pelos Estados Unidos contra a Venezuela não ajudam o país a sair da crise.

    "A história mostrou que em repetidas ocasiões as sanções não ajudaram a resolver o problema venezuelano e só podem agravar a situação e colocar em risco dela se descontrolar", disse Chuying.

    Ela conclamou aos EUA que reflitam sobriamente sobre a essência do problema venezuelano, regressem ao caminho do respeito ao direito internacional, apoiem o diálogo entre as autoridades e que permitam que o povo venezuelano decida seu próprio futuro.

    Hua Chunying acrescentou pedindo que os EUA deixem o seu método de terror psicológico contra outros países.

    No dia 5 de agosto, os Estados Unidos impuseram sanções totais contra a Venezuela, congelando todas as propriedades do governo que se encontram em território estadunidense. Esta foi a primeira vez em 30 anos que os EUA impuseram tais sanções no continente.

    Mais:

    China responde aos EUA: é absolutamente claro quem mina estabilidade na Ásia-Pacífico
    EUA impõem sanções econômicas totais contra a Venezuela e congelam bens do governo
    Sanções dos EUA contra Venezuela na véspera de encontro no Peru não são coincidência, diz analista
    Tags:
    sanção, Estados Unidos, Venezuela, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar