04:29 20 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Veículos blindados das Forças Armadas da Venezuela se aproximam dos manifestantes perto da base aérea La Carlota, em Caracas

    2 pessoas morrem durante protestos na Venezuela

    © REUTERS / Carlos Garcia Rawlins
    Américas
    URL curta
    613

    Pelo menos 2 pessoas morreram durante os protestos que tomaram conta da Venezuela desde terça-feira (30). A informação foi divulgada por fontes da polícia local à Sputnik.

    De acordo com as fontes, uma mulher de 27 anos morreu de um tiro na cabeça, que recebeu durante as manifestações no bairro de Altamira, em Caracas. Outra pessoa foi morta no estado de Aragua.

    Mais cedo, a diretora executiva do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), Henrietta Fore, havia informado que mais de doze crianças ficaram feridas durante os confrontos na Venezuela.

    ​A Venezuela enfrenta uma crise política que começou em janeiro, quando o líder da oposição Juan Guaidó, apoiado pelos EUA, proclamou-se o presidente interino do país em uma tentativa de desafiar a reeleição do presidente Nicolás Maduro.

    Maduro, apoiado pela China e pela Rússia, entre outros, acusou Guaidó de conspirar para derrubá-lo com a ajuda de Washington.

    ​A situação no país deteriorou drasticamente após Juan Guaidó ter convocado na última terça-feira (30) o povo da Venezuela e o Exército para sair às ruas para concluir a operação para derrubar o presidente da Venezuela. Nesta quarta-feira, Maduro afirmou que o governo dos EUA e a oposição querem levar seu país a uma guerra civil para defender a intervenção.

    Mais:

    Maduro diz que a paz triunfou na Venezuela
    Militares dos EUA negam ter mobilizado tropas para ação contra a Venezuela
    Tags:
    crise, manifestações, protestos, Juan Guaidó, Nicolás Maduro, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar