04:59 20 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    O vice-presidente Hamilton Mourão.

    Mourão diz que situação na Venezuela 'não tem mais volta'

    © AP Photo / Andre Penner
    Américas
    URL curta
    29729
    Nos siga no

    O vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) comentou a crise na vizinha Venezuela e afirmou que a situação em Caracas é irreversível.

    "Não tem mais volta. As pontes foram queimadas", disse Mourão à Folha de S. Paulo.

    O vice-presidente avalia que a presença do líder oposicionista Leopoldo López, que estava em prisão domiciliar e foi libertado por militares, "demonstra que foram para o tudo ou nada. Ninguém faz isso se não tem uma carta na manga."

    Mourão participará de reunião de emergência convocada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) para tratar da crise na Venezuela. Também estarão presentes da reunião os ministros Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional), Ernesto Araújo (Relações Exteriores) e Fernando Azevedo (Defesa).

    Na manhã desta terça-feira (30), o autoproclamado presidente Juan Guaidó publicou vídeo nas redes sociais pedindo apoio da população para retirar do poder o presidente Nicolás Maduro. Na publicação, Guaidó é acompanhado do López e um grupo de militares. As imagens foram feitas na base militar Francisco Miranda, também conhecida como La Carlota, situada no leste de Caracas.

    O governo brasileiro reconhece Guaidó como presidente da Venezuela.

    Mais:

    Venezuela transfere US$ 337 milhões para bancos da Rússia
    Espanha afirma que 'não respalda nenhum golpe militar' na Venezuela
    É relatado tiroteio perto de base na Venezuela; embaixada diz que situação está tranquila
    Ministro venezuelano acusa Colômbia de financiar golpe de Estado na Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar