22:54 23 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Amazônia

    Caçadores-coletores de mais de 10 mil anos são achados na Amazônia (FOTO)

    CC BY 2.0 / Omer Bozkurt / Amazônia
    Américas
    URL curta
    3163

    Escavação revela povoados que viveram na Amazônia há mais de 10.000 anos.

    Arqueólogos descobriram restos mortais que indicam a existência de povoados estáveis na região amazônica da Bolívia, que teriam iniciado o processo de domesticação de plantas.

    Os povoados foram formados no sudoeste da Amazônia há mais de 10 mil anos, segundo estudo publicado na quarta-feira (24), que descobriu os restos mortais na região de Llanos de Moxos, na Bolívia.

    ​Arqueólogos descobrem uma das sepulturas humanas mais antigas da Amazônia.

    José Capriles, da Universidade da Pensilvânia, principal autor do estudo publicado pela Science Advances, afirma que a descoberta de povoados que habitaram a região há milênios, em meados do período Holoceno, foi uma grande surpresa, já que há uma grande dificuldade para identificar áreas arqueológicas pré-cerâmicas, devido à carência de pedras na Amazônia.

    Para realizar o estudo, arqueólogos analisaram o terreno e grandes quantidades de terra queimada, carvão vegetal, conchas e restos de animais no local. Por sua vez, a análise revelou a presença de povoados com mobilidades reduzidas e utilização intensiva de recursos na região entre 10,6 mil e 4 mil anos atrás, segundo o portal Science News.

    Durante as escavações, arqueólogos encontraram restos de cinco covas, onde os adultos estavam enterrados, além disso, a maioria dos corpos foi enterrada na horizontal e de costas, posição que muito provavelmente estaria vinculada a crenças sobre a morte, afirmou Capriles.

    A região se trata de uma zona úmida na bacia do Amazonas, por isso, os estudos foram realizados em três ilhas florestais, sendo possível evidenciar que os povoados dessas ilhas dependiam principalmente da exploração de recursos silvestres. Ou seja, eram caçadores-coletores.

    Capriles indicou que as três ilhas possuíam aspecto comuns, contrariando uma estratégia cultural muito desenvolvida, apesar de haver evidências que indicam intensidades diferentes de exploração de recursos.

    Os povoados provavelmente foram abandonados tempos antes do surgimento das sociedades agrícolas complexas na região.

    Com isso, os arqueólogos acreditam que essas primeiras sociedades tenham iniciado o processo de domesticação de algumas culturas, como a da mandioca, isso devido ao seu crescimento ou escassez de seus recursos.

    Mais:

    Quero que os EUA explorem a Amazônia, revela Bolsonaro após conversa com Trump
    Alerta na Amazônia: governo Bolsonaro considera construção de novas hidrelétricas
    Biólogos tentam desvendar morte de baleia que surgiu na Amazônia (FOTOS, VÍDEO)
    Tags:
    caçadores, arqueólogo, arqueologia, descoberta, Amazônia, Bolívia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar