11:18 22 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Presidente dos EUA, Donald Trump, acena ao lado do presidente chinês, Xi Jinping, após coletiva de imprensa em Pequim, 9 de novembro de 2017

    EUA acusam dois chineses de roubarem segredos comerciais da GE em benefício de Pequim

    © AP Photo / Andy Wong
    Américas
    URL curta
    1119

    Um ex-engenheiro e um empresário chinês foram acusados de espionagem econômica e de conspirarem para roubar segredos comerciais da General Electric para beneficiar a China, de acordo com uma acusação não revelada do Departamento de Justiça dos Estados Unidos.

    Xiaoqing Zheng, ex-engenheiro da GE, foi anteriormente acusado pelo Departamento de Justiça em agosto em conexão com um suposto roubo. 

    O outro acusado é o empresário Zhaoxi Zhang.

    No entanto, a acusação divulgada nesta terça-feira (23) contra o ex-engenheiro Zhaoxi Zhang marca a primeira vez que o governo dos EUA alegou formalmente que o esquema foi realizado para beneficiar a China e que o governo chinês forneceu apoio financeiro para a empreitada. 

    Segundo a denúncia, Zheng usou seu posto na GE para roubar vários arquivos eletrônicos, incluindo arquivos proprietários, de turbinas a gás e a vapor e compartilhou esses arquivos com Zhang, que estava na China.

    O Departamento de Justiça acusa Zheng e Zhang de usarem os segredos comerciais roubados da GE para promoverem seus interesses pessoais em duas empresas chinesas, identificadas como Liaoning Tianyi Aviation Technology e Nanjing Tianyi Avi Tech — duas companhias estatais de Pequim. 

    Nas seis acusações de espionagem econômica e nas sete acusações de roubos de segredos comerciais, Zheng e Zhang enfrentam uma sentença máxima de 25 anos e uma multa de até US$ 5,25 milhões. Além disso, Zheng foi acusado de fazer declarações falsas ao FBI, com pena máxima de até cinco anos e multa de até US$ 250 mil.

    Mais:

    NI: EUA pretendem criar frota robótica para combater Rússia e China
    EUA podem manter sua supremacia naval perante a China?
    Vice dos EUA acusa a China e a Rússia de impedir ações contra a Venezuela
    Guerra comercial entre EUA e China pode estar chegando ao fim
    Por que EUA não querem participar do desfile naval multinacional da China?
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar