13:05 26 Abril 2019
Ouvir Rádio
    Alan García, ex-presidente do Peru

    Alan García, ex-presidente peruano, comete suicídio antes de ser preso

    © AP Photo / Martin Mejia
    Américas
    URL curta
    0 74

    O ex-presidente peruano, Alan García, morreu em decorrência do ferimento após atirar contra si mesmo durante uma operação policial que pretendia prendê-lo por envolvimento em caso de corrupção ligado à empreiteira brasileira Odebrecht. Após realizar o disparo contra a própria cabeça, García foi levado ao hospital Casimiro Ulloa, mas não resistiu.

    Segundo divulgado pela rede de televisão Telesur, o ex-presidente teria sofrido quatro paradas respiratórias durante uma intervenção cirúrgica antes de morrer no hospital na capital peruana, Lima.

    O atual presidente do Peru, Martín Vizcarra, publicou no Twitter suas condolências pela morte de Alan García.

    Os policiais chegaram à casa de García também com um mandado de busca e apreensão. García teria falado com seus advogados em um cômodo separado da casa e pouco depois, relata o El Comercio, ouviu-se um disparo.

    A Justiça do Peru havia determinado a prisão do ex-presidente, acusado de corrupção em caso ligado à Odebrecht na campanha eleitoral de 2006, conforme publicou o periódico peruano El Comercio. A acusação da promotoria aponta que ele teria recebido US$ 100 mil da empreiteira brasileira como pagamento de uma conferência realizada em São Paulo, em 2012. O pagamento pela conferência seria um forma de maquiar a transação ilegal.

    Alan García Pérez, nascido em 23 de maio de 1949, foi presidente do Peru por dois mandatos, entre 1985 e 1990 e depois entre 2006 e 2011.

    Outros três ex-presidentes peruanos também tiveram ordem de prisão decretada anteriormente por envolvimento em corrupção com a Odebrecht. São eles Pedro Pablo Kuczynski, Ollanta Humala e Alejandro Toledo.

    Em 2016, informa o El Comercio, a empreiteira brasileira reconheceu ter pagado US$ 29 milhões em subornos no Peru, o que gerou mais de 250 investigados, entre funcionários públicos, empresários e políticos peruanos.

    Mais:

    Ex-presidente peruano Alan García tenta suicídio antes de ser preso por caso Odebrecht
    MP do Peru abre investigação contra prefeito que prometeu cidade 'livre dos venezuelanos'
    Premiê do Peru apresenta renúncia
    Brasil assina declaração para cooperação na área de energia com Peru
    Peru decide cancelar todos os vistos do corpo diplomático venezuelano no país
    Tags:
    odebrecht, El Comercio, Odebrecht, TeleSUR, Martín Vizcarra, Alan García, Alejandro Toledo, Pedro Pablo Kuczynski, Ollanta Humala, Peru
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar