03:40 20 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    O presidente da índia, Ram Nath Kovind, desembarca na Bolívia e é recebido pelo seu homólogo boliviano Evo Morales.

    Presidente da Índia desembarca na Bolívia e promete fortalecer comércio bilateral

    Freddy Zarco/Governo da Bolívia/AP
    Américas
    URL curta
    5132
    Nos siga no

    O presidente da Índia, Ram Nath Kovind, disse em sua chegada à Bolívia nesta quinta-feira (28) esperar que o relacionamento com o país sul-americano cresça no futuro.

    "Estou confiante de que as relações entre a Índia e a Bolívia vão crescer", disse o presidente indiano.

    Além disso, Kovind disse que é um momento "histórico" nas relações bilaterais entre os dois países.

    O presidente permanecerá na Bolívia até o dia 30 de março com uma delegação de 100 pessoas, incluindo autoridades e empresários, antes de partir para o Chile em uma excursão que o levou anteriormente à Croácia.

    Durante a visita, autoridades dos dois países analisarão as possibilidades de investimento no Corredor Ferroviário de Integração Bioceânica que a Bolívia está promovendo para se unir aos portos ferroviários do Peru, no Oceano Pacífico, e do Brasil, no Atlântico.

    Acordos sobre saúde e regulamentação da indústria farmacêutica também serão assinados e a compra de lítio da Índia será promovida.

    O investimento indiano na Bolívia seria de cerca de US$ 4 bilhões, segundo as autoridades locais.

    De 2017 para 2018, o comércio bilateral entre a Índia e a Bolívia cresceu 205% e chegou a US$ 772, informou o Ministério de Relações Exteriores da Índia.

    Mais:

    EUA tentam convencer Índia a rejeitar sistemas russos S-400
    Índia entra para grupo de países capazes de derrubar satélites com mísseis, diz premiê
    Primeiro-ministro do Paquistão: 'Perigo de guerra com a Índia ainda não acabou'
    Caça Su-57 pode ter a Índia como um dos seus principais destinos, diz ministro russo
    Credores depõem fundador e tomam controle de uma das maiores companhias aéreas da Índia
    Tags:
    Ram Nath Kovind, Evo Morales, Bolívia, Índia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar