20:28 14 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Manifestantes tremulam um bandeirão da Venezuela em manifestação contra o presidente dos EUA, Donald Trump, em Caracas, Venezuela (agosto de 2017)

    EUA impõem novas sanções contra Venezuela

    © REUTERS / Ueslei Marcelino
    Américas
    URL curta
    18422
    Nos siga no

    EUA adotaram novas sanções contra a Venezuela nesta terça-feira (19). A anúncio foi feito pelo Departamento do Tesouro norte-americano.

    Na semana passada, o enviado especial dos EUA à Venezuela, Elliot Abrams, havia antecipado durante uma coletiva de imprensa que os EUA adotariam sanções adicionais à Venezuela nos próximos dias.

    Nesta terça-feira, o Departamento do Tesouro dos Estados Unidos anunciou sanções à mineradora venezuelana Minerven.

    A Venezuela enfrenta uma profunda crise política desde que o líder da oposição do país, Juan Guaidó, se declarou presidente interino em 23 de janeiro. Os Estados Unidos e 54 países, incluindo o Brasil, reconheceram Guaidó como o presidente interino da Venezuela.

    Além disso, os Estados Unidos impuseram várias rodadas de sanções contra a Venezuela em resposta aos acontecimentos políticos no país. Em janeiro, Washington bloqueou US$ 7 bilhões em ativos pertencentes à petrolífera venezuelana PDVSA. Maduro disse que as sanções dos EUA equivalem a uma apreensão ilegal dos ativos soberanos do país.

    Rússia, China, Cuba, Bolívia, Irã e Turquia, entre outros países, continuam apoiando o governo de Maduro.

    Mais:

    Maduro denuncia: enviado de Guaidó ocupa propriedades da Venezuela nos EUA
    Venezuela redireciona exportações de petróleo dos EUA para a Ásia
    Enviado especial dos EUA à Venezuela reconhece que Guaidó 'não está no poder'
    EUA estão ponderando castigar Visa e Mastercard por operarem na Venezuela, escreve Reuters
    Tags:
    crise, sanções, Juan Guaidó, Nicolás Maduro, EUA, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar