23:16 18 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Nicolás Maduro, presidente de Venezuela, durante unos ejercicios militares en Venezuela

    Venezuela conduz operação de segurança na fronteira com a Colômbia

    © REUTERS / Miraflores Palace
    Américas
    URL curta
    Confrontos nas zonas fronteiriças da Venezuela (51)
    14301

    Forças de segurança venezuelanas estão conduzindo uma operação na cidade de Urena, localizada na fronteira com a Colômbia, informou a emissora de TV Venezuela neste domingo (24).

    A emissora publicou uma filmagem de veículos blindados da Guarda Nacional dirigindo pelas ruas da cidade, onde se ouve disparos. Também informou que granadas de gás lacrimogêneo foram usadas na operação.

    A ministra venezuelana do serviço penitenciário, Iris Varela, está agora em Urena. O canal de TV VPI publicou um vídeo mostrando Varela em pé na ponte na fronteira do lado venezuelano, cercado por guardas armados e tirando fotos com seu celular de pessoas no lado colombiano.

    Tentativas de trazer ajuda não autorizada para a Venezuela levaram a confrontos, no sábado (23), entre policiais venezuelanos e manifestantes, que tentaram impedir que caminhões carregados com ajuda humanitária cruzassem a fronteira do país sem permissão.

    O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, acredita que as entregas de ajuda humanitária são uma manobra para derrubar seu governo.

    A situação na Venezuela política na Venezuela se deteriorou em 23 de janeiro, quando o líder da oposição, Juan Guaidó, se autoproclamou presidente interino do país. Guaidó foi quase imediatamente reconhecido pelos Estados Unidos e alguns outros países. Rússia, China, México, entre outras nações, manifestaram apoio a Maduro.

    Tema:
    Confrontos nas zonas fronteiriças da Venezuela (51)
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar