21:10 23 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Nicolás Maduro, presidente de Venezuela, durante unos ejercicios militares en Venezuela

    Venezuela conduz operação de segurança na fronteira com a Colômbia

    © REUTERS / Miraflores Palace
    Américas
    URL curta
    Confrontos nas zonas fronteiriças da Venezuela (51)
    14301
    Nos siga no

    Forças de segurança venezuelanas estão conduzindo uma operação na cidade de Urena, localizada na fronteira com a Colômbia, informou a emissora de TV Venezuela neste domingo (24).

    A emissora publicou uma filmagem de veículos blindados da Guarda Nacional dirigindo pelas ruas da cidade, onde se ouve disparos. Também informou que granadas de gás lacrimogêneo foram usadas na operação.

    A ministra venezuelana do serviço penitenciário, Iris Varela, está agora em Urena. O canal de TV VPI publicou um vídeo mostrando Varela em pé na ponte na fronteira do lado venezuelano, cercado por guardas armados e tirando fotos com seu celular de pessoas no lado colombiano.

    Tentativas de trazer ajuda não autorizada para a Venezuela levaram a confrontos, no sábado (23), entre policiais venezuelanos e manifestantes, que tentaram impedir que caminhões carregados com ajuda humanitária cruzassem a fronteira do país sem permissão.

    O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, acredita que as entregas de ajuda humanitária são uma manobra para derrubar seu governo.

    A situação na Venezuela política na Venezuela se deteriorou em 23 de janeiro, quando o líder da oposição, Juan Guaidó, se autoproclamou presidente interino do país. Guaidó foi quase imediatamente reconhecido pelos Estados Unidos e alguns outros países. Rússia, China, México, entre outras nações, manifestaram apoio a Maduro.

    Tema:
    Confrontos nas zonas fronteiriças da Venezuela (51)
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar