00:54 06 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    103
    Nos siga no

    Membro da Guarda Nacional de Nova York tenta impressionar uma mulher dizendo que era agente da CIA.

    Na tentativa de atrair a mulher, o homem começou a falar sobre seu trabalho "perigoso", afirmando que por ser agente da CIA ambos estariam na mira dos terroristas do Daesh, contudo, foi detido por se fazer passar por funcionário público.

    O sargento Ryan Houghtalen teria dito à sua amada que "o Daesh estava atrás dele, e como ela o conhecia, a vida dela também poderia estar em perigo", convencendo a mulher que ela estava realmente em perigo, segundo Jack Keller, porta-voz da polícia de Nova York.

    O sargento tinha encontrado a mulher em uma igreja e, esperando iniciar um possível relacionamento, Houghtalen sacou seu falso distintivo da CIA, dizendo que ela era "alvo de uma organização terrorista e que sua vida estava em perigo", alertando que, "se ela não seguisse suas instruções, ela seria gravemente ferida ou morta", declarou a polícia.

    Segundo o portal Syracuse.com, Houghtalen é um operador de sensores de drone MQ-9 Reaper da 174ª Asa de Ataque da Guarda Nacional Aérea de Nova York e não um agente secreto da CIA.

    O homem instruiu à mulher para ficar em casa, não conversar com ninguém e não ligar para a polícia. Contudo, a mulher estava nervosa e preocupada, por isso resolveu ligar para a polícia. Por fim, Houghtalen foi detido por se fazer passar por funcionário público e proibido de se aproximar da mulher.

    *Daesh grupo terrorista proibido na Rússia e em outros países. 

    Mais:

    Análise: drone russo Poseidon anularia esforços dos EUA de criar defesa antimíssil global
    Drone dos EUA realiza manobras de vigilância perto das fronteiras ocidentais russas (FOTO)
    Drone dos EUA é avistado vigiando espaço aéreo perto da fronteira russa (FOTOS)
    Tags:
    falso, agente da CIA, guarda nacional, drone, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar