02:55 25 Junho 2019
Ouvir Rádio
    Paul Manafort, ex-assessor do então candidato presidencial republicano Donald Trump (arquivo)

    Ex-diretor da campanha de Trump pode ser condenado a 24 anos de prisão

    © AP Photo / CHIP SOMODEVILLA/GETTY IMAGES NORTH AMERICA
    Américas
    URL curta
    0 50

    O Advogado Especial dos EUA, Robert Mueller, recomendou que Paul Manafort, ex-diretor de campanha do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, seja sentenciado à prisão por entre 19,6 e 24,4 caso seja considerado culpado.

    Segundo publicado pelo jornal Axios, Mueller enviou uma petição ao Tribunal Distrital dos EUA do Distrito Leste da Virgínia, na qual sugere uma pena entre 235 e 293 meses. Ele ainda sugere uma multa entre US$ 50 mil e US$ 24,3 milhões, um confisco de US$ 4,4 milhões e a restituição de US$ 24,8 milhões.

    A reportagem do jornal Axios observou que se o tribunal decidir a favor da sentença sugerida por Mueller, seria praticamente uma sentença de prisão perpétua para Manafort, que tem 69 anos.

    Os crimes financeiros de Manafort foram trazidos à tona pela investigação de Mueller sobre um suposto conluio entre a equipe de campanha de Trump e a Rússia. Ambas as partes negam envolvimento.

    Mais:

    Líderes democratas: declaração de emergência nacional de Trump é ilegal
    Trump diz que assinará estado de emergência para construção de muro com México
    Maduro revela desejo de encontro com Trump para resolver crise na Venezuela
    Trump irá declarar emergência nacional para construir muro, diz Casa Branca
    Tags:
    Eleições nos EUA, Donald Trump, investigação, Axios, Robert Mueller, Paul Manafort, Donald Trump, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar