02:28 20 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Medicamentos doados à Venezuela pela Rússia (foto de arquivo)

    Chile enviará 17 toneladas de ajuda humanitária para a Venezuela

    © Sputnik / Magda Gibelli
    Américas
    URL curta
    112

    O governo chileno anunciou que enviará 17 toneladas de ajuda humanitária à Venezuela. O anúncio veio através do Ministério do Interior chileno.

    "Isso diz respeito a uma carga que inclui medicamentos, produtos alimentícios e itens essenciais de higiene. As comunidades venezuelanas no Chile disseram que iriam recolher sua própria [ajuda humanitária] que se juntará a essa ajuda", afirmou o ministério através de um comunicado, porém sem detalhar como pretende enviar os produtos.

    De acordo com o Instituto Nacional de Estatísticas do Chile, existem mais de 288 mil venezuelanos vivendo no Chile.

    O governo do presidente venezuelano Nicolás Maduro vem impedindo a entrada de ajuda humanitária de determinados países, alegando que a medida seria usada como justificativa para uma intervenção estrangeira.

    Enquanto isso, o líder da oposição Juan Guaido, que se proclamou presidente interino da Venezuela, afirma que a ajuda humanitária estrangeira chegará ao país em 23 de fevereiro. A ajuda externa foi trazida para centros no Brasil e na Colômbia.

    Mais:

    Céu protegido: Venezuela mostra como funcionam seus sistemas de defesa antiaérea (VÍDEO)
    Maduro revela desejo de encontro com Trump para resolver crise na Venezuela
    Moscou trabalha com Caracas para uma solução para a crise da Venezuela, diz vice-chanceler
    EUA aplicam novas sanções contra a Venezuela
    Tags:
    crise na venezuela, ajuda humanitária, Instituto Nacional de Estatísticas do Chile, Nicolás Maduro, Juan Guaidó, Chile, Brasil, Colômbia, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar