10:31 18 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Muro na fronteira entre EUA e México

    Trump: mortes de crianças na fronteira são estritamente culpa dos democratas

    Twitter
    Américas
    URL curta
    1142

    O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, utilizou o seu Twitter neste sábado para culpar a oposição democrata por mortes de crianças na fronteira com o México, onde o atual chefe de Estado norte-americano planeja construir um muro para deter imigrantes.

    A declaração ocorre em meio a um congelamento parcial do governo e após Trump ameaçar fechar a fronteira sul caso os democratas não liberem um financiamento de 5 bilhões de dólares para a construção e para reformar a legislação de imigração.

    ​"Qualquer morte de crianças ou outros na fronteira é estritamente culpa dos democratas e suas patéticas políticas de imigração que permitem que as pessoas façam a longa jornada pensando que podem entrar em nosso país ilegalmente. Eles não podem. Se tivéssemos um muro, eles nem sequer tentariam!", escreveu.

    Na última terça-feira, um menino guatemalteco de 8 anos de idade faleceu após ser detido com o seu pai por uma tentativa ilegal de entrar nos Estados Unidos. Antes disso, outra menina, de 7 anos, também da Guatemala, já havia morrido em circunstâncias semelhantes.

    "As duas crianças em questão estavam muito doentes antes de serem entregues à Patrulha de Fronteira. O pai da jovem disse que não era culpa deles, ele não dava água a ela havia dias. A Patrulha de Fronteira precisa do muro e tudo terminará. Eles estão trabalhando tão duro e recebendo tão pouco crédito!", afirmou Trump. 

    Mais:

    'Muito distantes': impasse sobre orçamento e muro nos EUA continua
    Sem muro, sem governo: Trump bate o pé e promete manter os EUA paralisados
    Tags:
    mexicanos, imigração, imigrantes, fronteira, muro, Donald Trump, Guatemala, México, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar