17:01 15 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Iván Duque, em comício na Colômbia, em 10 de junho de 2018.

    Presidente da Colômbia discutirá situação da Venezuela com secretário de Estado dos EUA

    © AP Photo / Fernando Vergara
    Américas
    URL curta
    554

    O presidente da Colômbia, Iván Duque, se reunirá no dia 2 de janeiro com o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, para discutir a segurança na região, laços comerciais entre os dois países e a Venezuela. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (27). O encontro acontecerá em Cartagena.

    "Não só ele [Pompeo] está nos apoiando na agenda legal e de segurança, na política para enfrentar o problema das drogas, mas também está muito comprometido em fortalecer os laços comerciais e de cooperação entre os dois países e, é claro, também compartilha as mesmas preocupações que temos (…) diante da ditadura da Venezuela ", disse Duque ao noticiário da CM & CM.

    O presidente colombiano disse que a situação na Venezuela é uma "crise humanitária e migratória" — cuja culpa é do presidente Nicolás Maduro. 

    Ele acrescentou que o objetivo da reunião com Pompeo é refletir sobre as implicações regionais derivadas da situação na Venezuela e previu que certamente mais países denunciarão "essa ditadura" perante o Tribunal Penal Internacional (TPI). Ainda como senador, Duque apresentou uma denúncia contra a Venezuela no TPI com outros 54 congressistas chilenos. 

    Duque também observou que é certo que outras nações se retirem da União de Nações Sul-Americanas (Unasul) — como a Colômbia já fez — para que "um novo ambiente multilateral possa ser construído, para que essa organização não esteja a serviço da ditadura e nem protegendo seus delitos".

    Finalmente, ele ressaltou que para o próximo 10 de janeiro, quando Maduro assume novo mandato como presidente, vários países deveriam manter sua intenção de isolar diplomaticamente Caracas.

    Mais:

    Conflito armado entre Colômbia e Venezuela é 'possibilidade', diz ex-presidente colombiano
    Explosão fere 13 pessoas em boate na Colômbia (FOTO, VÍDEOS)
    Colômbia é atingida por terremoto de magnitude 5,6
    Odebrecht pode ficar impedida de atuar na Colômbia por 20 anos
    Colômbia tem 'obsessão' pela Venezuela, diz chanceler
    Tags:
    Mike Pompeo, Iván Duque, Estados Unidos, Colômbia, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar