23:10 15 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Presidente venezuelano Nicolas Maduro discursa em uma sessão da Assembleia Nacional Constituinte

    Maduro ordena prontidão de combate a militares para derrotar 'conspirações imperialistas'

    © REUTERS / Carlos Garcia Rawlins
    Américas
    URL curta
    15155
    Nos siga no

    O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, disse ter instruído as Forças Armadas a manter o mais alto nível de prontidão de combate para derrotar as "conspirações imperialistas".

    Maduro pediu na quinta-feira (13), em sua conta do Twitter, às forças militares da Venezuela para que estejam em alerta e mantenham a paz no país.

    ​Ordeno a todas as nossas FANB [Forças Armadas Nacionais Bolivarianas], que estejam em alerta e mantenham o máximo desdobramento, disciplina, liderança e preparação, para derrotar as conspirações imperialistas e manter a paz. A Venezuela conta com vocês!

    O líder venezuelano acusou o assessor de Segurança Nacional dos EUA, John Bolton, de ser um dos principais articuladores de uma conspiração para tentar derrubá-lo e assassiná-lo com a ajuda da Colômbia.

    Para Maduro, o drone que o atacou em agosto durante uma cerimônia teve ordens diretas dos EUA e do ex-presidente colombiano, Juan Manuel Santos.

    Na quinta-feira (13), o ministro venezuelano das Relações Exteriores, Jorge Arreaza, entregou uma nota de protesto ao principal diplomata norte-americano no país, Jimmy Story, sobre um suposto plano de golpe.

    No dia 12 de dezembro, Maduro denunciou que, em um município colombiano, um grupo de treinamento paramilitar denominado G8 está em treinamento com mais de 734 mercenários colombianos e venezuelanos para simular ataques das forças venezuelanas e iniciar uma escalada violenta contra a Venezuela.

    Mais:

    Contra Maduro: senadores dos EUA pedem que Trump reconheça Assembleia Nacional venezuelana
    Maduro: reunião com Putin foi 'muito útil'
    Maduro: Casa Branca organiza um golpe na Venezuela
    Maduro diz que Venezuela só venderá petróleo em petro no ano que vem
    Tags:
    venezuelanos, imperialismo, conspirações, prontidão de combate, FANB, John Bolton, Juan Manuel Santos, Nicolás Maduro, EUA, Colômbia, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar