03:34 18 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Manifestantes tremulam um bandeirão da Venezuela em manifestação em Caracas (arquivo)

    Venezuela declara encarregada de negócios do Equador persona non grata

    © REUTERS / Ueslei Marcelino
    Américas
    URL curta
    472

    A Venezuela decidiu declarar como persona non grata nesta quinta-feira a encarregada de negócios do Equador em Caracas, respondendo de maneira recíproca a uma medida tomada antes por Quito, segundo informou o Ministério das Relações Exteriores venezuelano.

    Em comunicado oficial, a chancelaria da República Bolivariana disse que, diante da expulsão de sua embaixadora por parte do governo equatoriano, se viu obrigada a adotar a mesma ação, dando um prazo de 72 horas para a representante equatoriana, Elizabeth Méndez, deixar o país.

    Mais cedo, o Equador anunciou que havia decidido expulsar a embaixadora da Venezuela no país, Carol Delgado, em razão de comentários feitos pelo ministro venezuelano da Comunicação e Informação, Jorge Rodríguez, que acusou o presidente equatoriano, Lenin Moreno, de mentir sobre a imigração venezuelana em seu país.

    Mais:

    Venezuela abandona o dólar e vai passar a usar euro para transações internacionais
    Maduro cria 6 regiões produtivas estratégicas para recuperar economia da Venezuela
    Parte da Venezuela fica às escuras após explosão em subestação de energia
    Equador investiga tráfico de armas envolvendo as FARC
    Equador revoga medida exigindo passaportes de venezuelanos
    Equador abandona ALBA em resposta à crise migratória na Venezuela
    Tags:
    Jorge Rodríguez, Carol Delgado, Elizabeth Méndez, Equador, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik